Rua Polignano A’Mare, 51 - Brás
Cep: 03005-040 - São Paulo, SP

Secretaria
Notícias › 20/08/2020

Círio de Nossa Senhora de Nazaré 2020, em outubro, acontecerá sem a presença dos devotos

Nossa-Senhora-de-Nazare-1200x762-c

Arquidiocese de Belém do Pará informou, dia 6 de agosto, que este ano, em razão da pandemia do novo Coronavírus, realizará a 228ª edição do Círio de Nossa Senhora de Nazaré, em outubro, com programação restrita e transmitida por seus meios de comunicação e redes sociais. A arquidiocese de Belém e a diretoria da Festa de Nazaré reforçaram o apelo para que os fiéis acompanhem toda a programação de forma segura de suas casas.

A festa costuma reunir cerca de 2 milhões de pessoas só no segundo domingo de outubro, na grande procissão do Círio de Nossa Senhora de Nazaré, formando um rio de gente. Trata-se de um dos maiores simbolismos da fé do povo paraense.

Em pronunciamento, o arcebispo da arquidiocese de Belém do Pará, dom Alberto Taveira Corrêa, disse que a festa não deixará de acontecer mas que está sendo adaptada obedecendo as orientações das autoridades políticas e sanitárias do município e do estado. “Vários lugares em nossa região e em outras paragens tiveram que cancelar seus eventos e festividades. Nós optamos por fazer o Círio do jeito que for possível e com a compreensão, colaboração e participação de todos”, disse.

Segundo ele, não é possível realizar da forma costumeira as 13 procissões que caracterizam o Círio de Nazaré. “Foi necessário fazer uma simplificação dos eventos do segundo final de semana de outubro, vindo depois a se realizar a quinzena do Círio, que será a grande ocasião de evangelização e formação”, disse.

O arcebispo informou ainda que a Diretoria do Círio de Nazaré se debruçou com seriedade, junto com os bispos, para seguir todas as normas vigentes e medidas preventivas necessárias, a fim de que a grande festa se realize sem colocar em risco a saúde das pessoas. “Um Círio diferente é tarefa de todos nós, cristãos católicos que o assumimos como missão, dando exemplo a todos de que somos capazes de abraçar também as cruzes e limitações que nos vieram durante este período”, disse.

Para o diretor coordenador do Círio 2020, Albano Henriques Martins Jr., preparar a festa sem a participação dos fiéis e dos devotos de Nossa Senhora, mas buscando integrá-los pelos meios virtuais, tem sido um desafio de fé, de obstinação e respeito pela festa e pelo Círio de Nazaré, por tudo que ele representa em termos de evangelização.

“É como se nós todos, da Diretoria do Círio de Nazaré, estivéssemos permanentemente em oração pedindo a graça e a bênção de Nossa Senhora para realizar esta festa num modelo inédito. Com a graça de Deus vamos conseguir preencher, ao menos parcialmente, a lacuna que o cancelamento do Círio no formato tradicional causa em todos os paraenses e devotos da Rainha da Amazônia”, disse.

Cartaz do Círio de Nazaré 2020

O arcebispo dom Alberto Taveira explicou o cartaz do Círio de Nazaré 2020 desenvolvida pela Mendes Comunicação. Segundo ele, a arte remete à esplêndida luminosidade que brota daquela que é imaculada.

“Em torno de Maria as flores proclamam a beleza interior e exterior de Maria. A ela, mãe e modelo da Igreja, aplicam-se também as palavras do Apocalipse: “Apareceu no céu um grande sinal: uma mulher vestida com o sol, tendo a lua debaixo dos pés e, sobre a cabeça, uma coroa de doze estrelas” (Ap 12,1).

Entretanto, aquela que “passou na nossa frente” e já chegou, pela bondade de Deus, permanece também aqui conosco, na graça do Círio de Nazaré. Sua “casa”, a Berlinda, na qual Maria passa pelas nossas ruas e entra em nosso coração no mês de outubro, no cartaz que hoje apresentamos, está circundada de Anjos que oferecem flores e a transformam num belo caramanchão.

O caramanchão está quase transparente, pois na casa da Imaculada são acolhidos todos aqueles que acreditam que “Deus nos escolheu, antes da fundação do mundo, para sermos santos e imaculados diante dele, no amor. Conforme o desígnio benevolente de sua vontade, ele nos predestinou à adoção como filhos, por obra de Jesus Cristo, para o louvor de sua graça gloriosa, com que nos agraciou no seu bem-amado” (Ef 1,4-6).”

Acompanhe a programação:

Parte da programação também será transmitida pela TV Círio, que estará em cadeia com a Rede Nazaré de Comunicação, a emissora oficial da Arquidiocese de Belém e do Círio de Nazaré. A programação completa do círio pode ser acessada aqui.

Os fiéis poderão acompanhar o Círio pelos canais abaixo:

– TV Nazaré (Canal 30.1 – http://bit.ly/TVNazare)
– Rádio Nazaré (91,3 FM)
– Facebook (https://bit.ly/FacebookFNC) – (http://bit.ly/FacebookArqBelem)
– Youtube (http://bit.ly/TVNazareYoutube)

Via CNBB

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.